Ciclo da Vida

Quaaaase que vocês ficam sem post essa semana, viu? Que sufoco! Vou revelar pra vocês que tá ficando difícil encontrar coisa que me inspire a escrever… Tava super afim de falar de roteiro essa semana, diálogos e tudo o mais, mas só encontrei curtas sem fala ou com off (não que sejam técnicas ruins, só não combinam com essa minha fase). Resolvi recorrer, enfim, a um canal que muita gente conhece e adora: o digníssimo Porta dos Fundos – canal no Youtube cheio de esquetes e outras coisinhas mais. E, entre os vários vídeos divertidíssimos deles, escolhi o Ciclo da Vida.

Você que já conhece o Porta dos Fundos deve estar pensando que peguei o caminho mais fácil, né? Nada disso (ok, talvez um pouco)! Acontece que, por mais que os vídeos deles sejam relativamente curtos – os mais longos mal ultrapassam 5 minutos -, não podemos tirar o mérito do roteiro. Te dou 3 minutos pra você me fazer rir, será que você consegue? Hein? Ou só consegue fazer um miojinho? Pois é. E, por mais que eu assista por diversão, sempre reparei que os roteiros são realmente muito bons!

Os diálogos fluem que é uma beleza, as cenas são bem dinâmicas… Mas é claro que não podemos tirar o mérito do elenco! Todos os atores são muito expressivos e consideravelmente versáteis. Muitas vezes, aliás, são os próprios atores que escrevem o roteiro – como é o caso do Fábio Porchat e do Gregório Duvivier, os dois destaques do canal, na minha opinião. Infelizmente, em Ciclo da Vida eles não informam de quem é o roteiro, então fica o mistério… Imagino eu que seja do Porchat, que parece ser o mais ~polêmico~ deles.

Outra coisa legal é que o formato utilizado pelo canal foge daquele tipo de esquete à la Zorra Total, com um “molde” de situações semelhantes pra cada personagem. Aliás, talvez seja meio errado classificar os vídeos deles como esquetes, mas estou usando o termo mais pelo conteúdo (essencialmente humorístico) do que pela estrutura. Tecnicamente falando, as esquetes do Porta dos Fundos são bem desenvolvidas: você mal percebe, mas em o Ciclo da Vida, podemos identificar três câmeras simultâneas, e isso não é pouco!

Sim, é verdade: a maior parte das coisas que falei serve pra todos os vídeos do Porta dos Fundos. E, sinceramente, Ciclo da Vida nem é meu preferido – se é pra listar mesmo, recomendo Torcedores, Nome do Bebê, Spoleto, Modelo Vivo e  Voyeur. Escolhi Ciclo da Vida porque ele representa um diferencial que consigo identificar nesse canal, se comparado a outros canais de humor pelo youtube (não vou citar nomes pra não semear discórdia): a crítica social.

Beleza, você pode não gostar de assunto sério na hora que está vendo vídeos bobos no youtube, mas o humor sempre foi uma ferramenta poderosa de denúncia (não queria usar um termo tão forte, mas vá lá) aos problemas que estão presentes na nossa sociedade e no nosso cotidiano, que a gente finge não ver. Ao assistir Ciclo da Vida, você se diverte, mas para pra pensar, nem que por um minutinho, na corrupção brasileira (presente em TODOS os setores, diga-se de passagem). Palmas para a equipe do Porta dos Fundos, que diverte sem alienar!

Data do post original: 22 de fevereiro de 2013

Advertisements

2 thoughts on “Ciclo da Vida

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s